Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cozinhar com

Venez j'vais vous aider. On descend et hot c'est parti - Amélie Poulain

Cozinhar com (farinha de coco)

 Como já devem ter reparado este blogue é uma miscelânea de receitas saudáveis e menos saudáveis. Isto porque, I mean, sou Nutricionista Estagiária, mas isto não quer dizer que tenha que comer 24h de forma saudável, criando uma obsessão não-saudável com os alimentos. Nem 8 nem 80. A Organização Mundial de Saúde estima que cerca de 30 por cento da população ocidental sofra deste distúrbio, que infelizmente, já é considerado "distúrbio alimentar do século XXI". Este manifesta-se quando a alimentação saudável passa a ser uma obsessão! A verdade é que os sintomas são difíceis de detetar porque podem confundir-se facilmente com hábitos de vida saudável, fazendo com que, erroneamente, muitas vezes as pessoas retirem da dieta nutrientes fundamentais e que passem a "pente-fino" tudo o que ingerem, perturbando assim, para além da sua saúde, também a sua vida social, derivado ao isolamento que daí pode advir. A comida não pode, nem deve, ser uma obsessão, mas sim o encontrar do q.b, do ponto de equilíbrio. E se pelo caminho encontrarem estas bolachas? É favor de provar.

 

Ingredientes

½ chávena de farinha integral

½ chávena de farinha de coco

½ chávena de flocos de aveia

1 chávena de coco ralado

1 colher de sobremesa de canela

1 colher de sobremesa de gengibre em pó

3 colheres de sopa de óleo de coco sólido

2 colheres de sopa de geleia de arroz

50 ml de sumo de laranja

raspa de 1 laranja

quadrados de chocolate 70% cacau

 

Preparação

 

Numa taça grande juntar as farinhas, os flocos de aveia, o coco ralado, a canela e o gengibre. Misturar.
Levar a lume baixo (sem deixar ferver) o óleo de coco juntamente com a geleia de arroz até que ambos estejam derretidos e misturados.
Juntar essa mistura aos ingredientes secos, juntamente com o sumo e a raspa de laranja. Misturar muito bem com uma colher.
Fazer bolas pequenas, colocar num tabuleiro de forno forrado com papel vegetal e com a mão espalmar as bolas até obter o formato de bolacha.
Levar ao forno a 180ºC cerca de 15/20 minutos.
Entretanto derreter o chocolate e quando as bolachas saírem do forno espalhe o chocolate ao vosso gosto (eu espalhei pela metade).
Deixar arrefecer até o chocolate endurecer.

IMG_20170604_110108-01

 

IMG_20170604_111336-01

IMG_20170604_111748-01

Cozinhar com (bolacha torrada)

Quando abate sobre vós aquele desejo de "quelque chose" que não aqueça a cozinha, que seja rápido de fazer e que só leve ingredientes que habitualmente tendes em casa, o que fazeis? Ok, Estefânia, foste bastante vaga e dessa tua pergunta podem surgir dezenas de respostas.. É isso que realmente quero e é para isso que também criei o blogue: travar conhecimentos partilhando ideias e opiniões. Vá, eu dou primeiro passo e respondo: salame de chocolate negro e amendoim ou trufas cruas do que encontrar à frente (sem aderir aos superalimentos). Já agora a minha opinião sobre esses "supertudo" está no Alho Francês, mas advirto que pode fazer um bocadinho de comichão a quem é fã deles, mas nada que não se resolva com um fatia de salame. Se não resolver.. mais salame fica!

 

Ingredientes

1 pacote de bolachas tipo "Maria" torradas

200 g de chocolate negro

½ chávena de amendoins separdos às metades

¼ chávena de bebida vegetal + 4 colheres de sopa

1 colher de sopa de vinho do Porto

1 colher de chá de café solúvel

1 colher de sopa de óleo de coco

 

Preparação 

 

Colocar o chocolate partido aos bocados a derreter, juntamente com o óleo de coco e 1/4 de bebida vegetal.
Enquanto isso, partir as bolachas aos bocadinhos para dentro de uma tigela.

Quando o chocolate estiver quase derretido acrescentar o café e o vinho do porto. Mexer bem.
Juntar os amendoins às bolachas, regar com as 4 colheres de sopa de bebida vegetal e misturar. Verter o chocolate ainda quente e envolver tudo até as bolachas estarem todas cobertas com o chocolate.
Numa folha de alumínio ou em papel vegetal colocar a mistura do salame e moldar em forma de rolo.
Pressionar bem para não ficar ficar espaços entre as bolachas.

Levar ao frigorifico 4/5 horas antes de comer. Conservar no frio.

 

IMG_20170416_135018-01

IMG_20170416_140148-01

Cozinhar com (laranja)

Cozinhar na presença de amigos transforma o verbo "Cozinhar" ainda mais prazeroso do que ele já é, e por conseguinte, também o momento de degustar (aka devorar) o resultado sofre uma transformação também ela positiva. Foi isso que aconteceu quando decidi ficar-me pelos queques de laranja com pepitas de chocolate negro. Pontos-chave para esta decisão: a santíssima trindade do "apetece-nos algo": uma receita com ingredientes simples, de execução rápida e claro, bem saborosa. Como no Mundo não há Ambrósios suficientes que respondam prontamente a apetites repentinos, tive que garantir o bem-estar da população, fazendo-os de bom grado. Outra coisa que é sempre garantido quando se fotografa na presença de amigos é: improvisos que dão (mais que) certo.

 

Ingredientes (rende 6 queques)

100 g de açúcar branco

150 g de farinha sem fermento

1 colher de chá de fermento em pó

sumo e raspa de meia laranja

3 ovos

6 colheres de sopa de leite

3 colheres de sopa de manteiga

chocolate negro partido em pedacinhos

 

Preparação

 

Numa taça colocar a farinha, o açúcar, o fermento e a raspa de laranja e misturar tudo.
De seguida incorporar os ovos à mistura anterior.
Mexer muito bem, juntando em seguida o leite, o sumo de laranja e a manteiga.
Bater muito bem a massa e deixar repousar cerca de 30 minutos.
Passado esse tempo, juntar os pedacinhos de chocolate, mexer bem e encher as forminhas de silicone até meio, levando a cozer em forno pré-aquecido a 200º C cerca de 30 minutos.
Retirar do forno, deixar arrefecer e servir.

 

Untitled design (1)

CelB20170326_023

CelB20170326_016

CelB20170326_017